Cannabis: OMS retira a planta do catálogo de drogas!

0
129
Cannabis não é mais uma droga?
Foto/Reprodução: Cannabis

Quando falamos sobre drogas, um vasto mundo nos veem a cabeça, provavelmente pela mídia, onde todo dia tem uma reportagem de algo ilícito nos jornais por exemplo. Mas com estudos, pesquisas, debates, todo um trabalho envolvido, fez com que a OMS retirasse a cannabis da lista de drogas ilícitas pelo mundo.

O debate sobre se a maconha ainda deveria estar na lista de drogas tomou uma nova fase. A OMS (Organização Mundial da Saúde) em seu último balanço geral, eliminou essa substância da categoria ‘droga’. O documento divulgado pela OMS no final do mês passado reconhece que não há casos relatados de abuso ou dependência da substância e que não representa um perigo para a saúde pública.

Cannabis fora da lista de drogas

O comitê responsável pelo o relatório afirma que, com base em estudos anteriores, a Cannabis não possui características psicoativas. Isso cria um leque de novas possibilidades para a substância ser usada em outros tipos de estudos e pesquisas. Entre os arquivos que são mais relevantes, foram levados em consideração, eles apresentaram um estudo em que vários participantes receberam aleatoriamente uma dose de Cannabis, diferentes indicadores foram medidos nos participantes, não revelando grandes alterações nos sintomas de psicoatividade ou intoxicação.

Posteriormente, em um estudo randomizado,usuários constantes de Cannabis foram convidados a fazer alguns testes sobre efeitos do canabidiol por conta própria. Após isso concluiu-se que o canabidiol não produziu efeitos psicoativos, cardiovasculares ou outros efeitos. A OMS especificou que o canabidiol não é viciante, entretanto isso não significa que o cannabis não seja mais classificado como medicamento pelas organizações internacionais de saúde. O relatório da OMS indica apenas resultados, um dos elementos da Cannabis: Cannabidiol.

Comissão de Drogas e Narcóticos

A Comissão de Drogas e Narcóticos, cujo faz parte da ONU (Conselho Econômico e Social das Nações Unidas), é o órgão responsável de modificar, revisar e atualizar periodicamente a lista de substâncias proibidas, isso é feito sob as recomendações da OMS, que, por sua vez, é aconselhada pelo Comitê de Peritos em Dependência de Drogas.

Em março, a votação foi planejada para reduzir as restrições à pesquisa científica e uso medicinal em várias regiões do mundo. O principal motivo desse adiamento se deve à necessidade de esclarecer as implicações e consequências dessa decisão, levando em consideração sua complexidade. É importante mencionar que a Cannabis apresenta dados de pesquisa desde os anos 60 e apresentou várias limitações prevalecentes que impedem o benefício potencial para milhões de pacientes.

Isso torna a Cannabis legalizada?

Calma jovem ansioso, o fato de a cannabis não ser mais considerado uma droga, não torna o uso da planta legalizado de imediato. Isso é devido a diretrizes e leis de cada país. Ex: alguns países como holanda, Uruguai ou alguns estados dos EUA, o uso da planta é legalizado com regras aplicadas. Como quantidade de gramas permitidas, uso recreativo, estudo e pesquisas, etc. Então não vai achando que pode sair usando nas ruas, ainda a muito a se debater sobre a maconha e suas formas de uso. Porém com ela fora da lista de drogas isso torna mais fácil os estudos e pesquisa sobre a planta.

A planta cujo é discriminada das mais diversas formas, gerando preconceito generalizado, pode ajudar muitas pessoas a terem uma qualidade de vida melhor. Muitos relatos de várias pessoas ao redor do mundo mostram uma melhoria em alguma condição especial que possui, e que graças as propriedades medicinais da planta conseguem ter uma vida melhor.

Um exemplo disso é que quem sofre mal de parkinson não possuem muito controle sobre certas ações do corpo, um dos mais conhecidos é a “tremedeira” que da na pessoa, como na mão. O uso das substância certa da planta selecionados e em perfeitas condições de uso, daria a oportunidade de não tremer mais sem parar. Esse é apenas um de vários exemplos dentro da medicina.

Mas e ai, o que você acha que isso pode afetar a sociedade agora? As pessoas estão prontas para esse avanço, visto o preconceito gerado ao longo dos anos? Enfim, deixe sua opinião e compartilhe com aquele seu amigo que ficaria feliz com a notícia.

Confira também: Por que Trabalhar na Internet Está Virando Tendência?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui