Fate A Saga Winx! Confira o review da série.

ANÚNCIO

Quem é das antigas, e não só mulheres, homens também irar gostar da série, afinal, é algo de “macho alfa”, falamos de Fate A Saga Winx! Quem acompanhou o desenho, independente do gênero irar gostar da série, além disso, dessa vez com uma qualidade melhor. Mas, você pode não gostar de live-action, entretanto se assistiu vai ter que admitir que tem qualidade, afinal foi produzido pela Netflix!

Sinopse: Bloom entra em Alfea, uma escola para fadas, onde ela descobre que é uma changeling! Além disso, também descobre que há pessoas lá fora para pegá-la. Ela sucumbirá às forças do mal ou encontrará seu verdadeiro propósito?

Fate A Saga Winx

Fate: A Saga Winx | Trailer oficial | Netflix

Fate: The Winx Saga é inspirado na série de animação para adolescentes Winx Club que foi ao ar há quase duas décadas.

Esta é uma adaptação inspirada nos personagens centrais e mostra um mundo em fadas, monstros e o outro mundo. A primeira temporada dá o tom certo para as próximas. Embora esta série ao estilo de Harry Potter possa não ser um relógio muito atraente, também não decepciona em termos de entretenimento.

Esta série traça a vida agitada e inquieta de Bloom, que é uma humana que acaba em Alfea, uma escola de fadas. Ela não apenas descobre seu poder – fogo – mas também desenterra uma verdade chocante sobre sua vida, onde ela fica sabendo que seus pais biológicos são diferentes dos humanos que a criaram na Califórnia.

ANÚNCIO

Sabendo que ela é uma changeling, Bloom parte em um caminho para saber mais sobre si mesma. É nesse ponto que ela divaga sobre muitas verdades incômodas sobre o que está acontecendo ao seu redor e faz amizade com muitos colegas, alguns verdadeiros e outros cruéis. Se ela descobrir a verdade sobre seu passado e fazer as pazes consigo mesma, será o resto da temporada.

Segunda temporada?

Embora a série pareça ser um relógio divertido, com alguns bons efeitos visuais e pontuação de fundo, realmente parece um relógio pop que é lançado rapidamente e há apenas o personagem central que recebe o destaque.

O resto do elenco permanece como uma caricatura até o fim, apesar de terem algumas cenas para estabelecer seu passado ou propósito. Além disso, uma série de fantasia como essa requer muitos conflitos e personagens fortemente negativos. Embora tenhamos um vislumbre disso no final da série, não parece forte o suficiente para conter os acontecimentos na escola.

Embora esse possa ser o caso, a série termina com a premissa de uma segunda temporada muito mais promissora, pois termina no que poderia ser a reviravolta mais interessante. Será preciso esperar a segunda temporada para ver se os fabricantes cumprem essa promessa.

ANÚNCIO

Thalisson Gabriel

Estudante de Analise e desenvolvimento de Software, além de curtir umas paradas nerd, escrevo para o News Geek, e também para alguns outros sites, que pertencem ao Grupo SED.

Deixe um comentário

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo